Nota de esclarecimento do Hospital Regional Fernando Bezerra

Nota de esclarecimento:

Em momento conturbado, no contexto de pandemia covid-19, consideramos natural a preocupação dos representantes públicos com a assistência à saúde e assim trouxemos para nós a responsabilidade de esclarecer a divergência de informações no tocante à quantidade de respiradores em nossa unidade hospitalar (Hospital Regional Fernando Bezerra) e fluxo/internamento/isolamento dos casos suspeitos coronavírus.

Dispomos de 14 ventiladores distribuídos pelas alas do hospital (UTI, sala vermelha e unidade neonatal), 01 de transporte na UTI móvel, além de 08 em manutenção que em breve retornarão ao nosso arsenal terapêutico. Além disso, criamos fluxogramas específicos para o atendimento dos casos suspeitos junto ao grupo de enfretamento COVID-19 do HRFB.

É válido ressaltar que recebemos da Santa Casa e SES todos os insumos (EPIs e medicamentos) necessários à luta contra a pandemia.

Ademais, nos colocamos à disposição para quaisquer esclarecimentos.

Glória Beatriz M. da Graça Macedo
Direção administrativa HRFB

Dr. Otávio Pedrosa
Direção técnica HRFB

Pernambuco tem 4 mortos e 57 casos confirmados do novo coronavírus

Pernambuco chegou a quatro mortes causadas pelo novo coronavírus, segundo o balanço diário divulgado pelo governo do Estado. Além das quatro mortes, nas últimas 24 horas, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) confirmou mais nove casos do novo coronavírus, totalizando 57 casos confirmados do novo coronavírus, distribuídos por seis municípios, além do primeiro no arquipélago de Fernando de Noronha. Ao todo, 13 pacientes estão hospitalizados, sendo seis com suporte Intensivo (UTI/CTI) e outros 33 em isolamento domiciliar.

Por outro lado, Pernambuco também registrou mais uma cura, chegando a sete pacientes recuperadas da doença – todas do sexo feminino.

O quarto óbito é de um homem de 82 anos, morador do bairro do Vasco da Gama, na Zona Norte do Recife. O idoso faleceu na última quarta-feira (25), depois de dar entrada no Hospital dos Servidores do Estado, no bairro do Espinheiro, Zona Norte da cidade, na terça-feira (24). Ele não apresentava histórico de viagem ou contato com caso suspeito ou confirmado.

Brasil

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até 20h30 de sexta-feira (27), 3.475 casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2)no Brasil com 93 mortos, 68 deles em São Paulo, de acordo com a secretaria de Saúde do estado.

O avanço da doença está acelerado:foram 25 dias desde o primeiro contágio confirmado até os primeiros 1.000 casos (de 26 de fevereiro a 21 de março). No entanto, os outros 2.000 casos foram confirmados em apenas seis dias ( de 21 a 27 de março).

Em pronunciamento, prefeito Tácio Pontes anuncia manutenção de medidas contra coronavírus

O prefeito de Parnamirim, Tácio Pontes, fez um pronunciamento nesta sexta-feira (27) para anunciar que o município seguirá com todas as medidas de combate ao novo coronavírus (Covid-19) implementadas pelo Governo do Estado, que proibiu aglomerações e o funcionamento de serviços não essenciais.

As medidas de restrição de circulação de pessoas são essenciais para evitar que o vírus se espalhe e infecte mais pessoas em Pernambuco. O estado possui 48 casos confirmados da doença e três mortos. “A nossa maior defesa nesse momento é ficar em casa e manter os hábitos de higiene. Não podemos fingir que a doença não está acontecendo, por isso discordo do presidente Jair Bolsonaro, que está estimulando as pessoas a voltarem as ruas. Não é momento para isso. É preciso ter responsabilidade e seguir com as medidas que estamos implementado”, disse Tácio.

Em Parnamirim, não há registro de casos suspeitos do Covid-19. “No nosso município, as medidas serão mantidas. Seguiremos todos os protocolos implementados pelo Governo de Pernambuco. É momento de pensar nas pessoas. As ações de combate serão intensificadas e assim, com a graça de Deus, manteremos o vírus longe de nossa cidade”, afirmou o prefeito após a live transmitida nas redes sociais.

Homem morre após cair do telhado de casa em Ipubi-PE

Imagem ilustrativa da internet

Um homem morreu na quinta-feira (26), no município de Ipubi, no Sertão de Pernambuco. De acordo com informações do Boletim de Ocorrência da Polícia Militar, a vítima, que não teve a identidade revelada, estava trabalhando em cima da casa quando desequilibrou e caiu, morrendo no local.

O acidente aconteceu na Vila Francinete. O acidente foi confirmado aos policias por uma outra pessoa que estava no local. (G1 Petrolina)

Câmara aprova auxílio de R$ 600 por mês para trabalhador informal

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (26) auxílio emergencial por três meses, no valor de R$ 600,00, destinados aos trabalhadores autônomos, informais e sem renda fixa durante a crise provocada pela pandemia de coronavírus. A matéria segue para análise do Senado.

Pelo texto do relator, deputado Marcelo Aro (PP-MG), o auxílio pode chegar a R$ 1.200 por família. O valor final, superior aos R$ 200 anunciados pelo Executivo no início da crise em virtude da pandemia, foi possível após articulação de parlamentares com membros do governo federal. O projeto prevê ainda que a mãe provedora de família “uniparental” receba duas cotas.

Os trabalhadores deverão cumprir alguns critérios, em conjunto, para ter direito ao auxílio:
– ser maior de 18 anos de idade;
– não ter emprego formal;
– não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal que não seja o Bolsa Família;
– renda familiar mensal per capita (por pessoa) de até meio salário mínimo (R$ 522,50) ou renda familiar mensal total (tudo o que a família recebe) de até três salários mínimos (R$ 3.135,00); e
– não ter recebido rendimentos tributáveis, no ano de 2018, acima de R$ 28.559,70.

Pelo texto, o beneficiário deverá ainda cumprir uma dessas condições:

– exercer atividade na condição de microempreendedor individual (MEI);
– ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social (RGPS);
– ser trabalhador informal inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico); ou
– ter cumprido o requisito de renda média até 20 de março de 2020.

Pelas regras, o trabalhador não pode ter vínculo formal, ou seja, não poderão receber o benefício trabalhadores formalizados pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e servidores públicos.

Pela proposta, também será permitido a duas pessoas de uma mesma família acumularem benefícios: um do auxílio emergencial e um do Bolsa Família. Se o auxílio for maior que a bolsa, a pessoa poderá fazer a opção pelo auxílio. O pagamento será realizado por meio de bancos públicos federais via conta do tipo poupança social digital. Essa conta pode ser a mesma já usada para pagar recursos de programas sociais governamentais, como PIS/Pasep e Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), mas não pode permitir a emissão de cartão físico ou cheques. (Agencia Brasil)

Juarez Saraiva sugere que prefeito transforme o “Obra da Semana” em cestas básicas para famílias carentes de Ouricuri

Imagem – arquivo do blog

Na manhã desta quinta-feira (26), o empresário e líder político de Ouricuri, Juarez Saraiva, por telefone, falou ao Tribuna Livre da Rádio Grande Serra FM sobre o novo coronavirus (Covid-19) que está complicando a vida de todos com o comercio fechado.

Juarez sugeriu ao prefeito de Ouricuri, Ricardo Ramos, que o programa “Obra da Semana” seja transformado em cestas básicas para a população carente da cidade.

Estou preocupado com as pessoas mais carentes do município, as quais se encontram em quarentena em suas casas, eu quero pedir ao prefeito de Ouricuri, que transforme o Obra da Semana em cestas básicas para as pessoas carentes da cidade de Ouricuri”, disse.

“Eu como empresário de Ouricuri estou à disposição para ajudar, claro dentro das minhas possibilidades”, afirmou.

“Peço ao prefeito, a vice-prefeita aos vereadores e as lideranças políticas de Ouricuri que se juntem para ajudar as pessoas que mais precisam nesse momento de pandemia”, finalizou.

Com 77 mortes, Brasil tem 2.915 casos confirmados de coronavírus

O Ministério da Saúde divulgou, na tarde desta quinta-feira (26), que subiu para 2.915 o número de casos de coronavírus no Brasil. O número de óbitos relacionados à doença chegou a 77. A região com o maior número de pessoas infectadas é o Sudeste, com 1.665, seguido pelo Nordeste, com 457. Pernambuco tem 48 casos e confirmou três mortes.

Segundo dados do MS, em um mês, foram cerca de 400 casos da doença por dia. As mortes estão nos seguintes estados: Rio de Janeiro, São Paulo, Amazonas, Ceará, Pernambuco, Goiás, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Segundo o secretário de Vigilância em Saúde, Wanderson Oliveira, o número de  casos confirmados do novo vírus no Brasil não irá reduzir nos próximos 30 dias.

Números por região

Sudeste – 1.665 casos confirmados, com 67 mortes.

Nordeste – 457 casos confirmados, com seis mortes.

Sul – 392 casos confirmados, com 2 mortes

Centro-Oeste – 275 casos confirmados, com 2 mortes.

Norte – 126 casos confirmados, com 1 morte.

(Do JC Online)

Sobe para três número de mortos pelo novo coronavírus em Pernambuco

A Secretaria de Saúde de Pernambuco (SES-PE) confirmou, na manhã desta quinta-feira (26), mais duas mortes causadas pelo novo coronavírus (Covid-19) no Estado, subindo para três o número de óbitos no Estado. As vítimas são dois pacientes, um morador do Recife e um estrangeiro, que estavam internados no Real Hospital Português (RHP), ambos faleceram na madrugada desta quinta-feira (26).

O estrangeiro é o canadense de 79 anos, que chegou ao Recife no dia 12 de março no navio de cruzeiro Silver Shadow. Após passar mal, o turista – que era ex-tabagista e possuía problema cardíaco – foi encaminhado ao Real Hospital Português, onde foi entubado e levado à UTI. O paciente foi mantido em ventilação mecânica e chegou a realizar hemodiálise. Apesar dos esforços da equipe, o paciente faleceu nesta madrugada.

A segunda vítima é um homem de 69 anos, morador do Recife, hipertenso e com histórico de viagem para Portugal e Itália, que retornou ao estado no dia 10 de março. Apresentando febre e alteração na ausculta pulmonar, o paciente foi atendido em uma unidade de saúde privada no dia 12 de março. Após receber a assistência e realizar a coleta de material para análise laboratorial, o paciente foi liberado para isolamento domiciliar. No dia 19, o idoso voltou a buscar atendimento médico, ele foi entubado e levado à UTI, iniciando diálise no dia 21. Na última quarta-feira (25), o paciente apresentou uma piora da função renal e também veio a óbito na madrugada desta quinta. Os dois casos foram notificados no dia 12 de março.

Ontem, o Estado havia registrado a primeira morte causada pelo coronavírus, a  primeira vítima foi um idoso de 85 anos, que estava internado no Hospital Universitário Oswaldo Cruz. Além das mortes confirmadas, outras 13 causadas por vírus respiratórios foram registradas no estado e estão sob investigação. Até esta quarta-feira (25), o estado confirmou 46 casos da Covid-19, distribuídos por seis municípios do estado, além de ocorrência em pacientes de outro estado e países.

Governador da Bahia sugere que cidades sem casos do novo coronavírus mantenham feiras livres e comércio

O governador Rui Costa sugeriu a prefeitos de cidades baianas sem casos confirmados de novo coronavírus (Covid-19) que mantenham o comércio na ativa. O pedido também se estende à manutenção das feiras livres. Para Rui, as medidas de restrição devem ser gradativas, evitando medidas mais restritivas nesse primeiro momento de enfrentamento da pandemia.

“Nos municípios que não tenham casos confirmados não vejo sentido em fechar feiras livres. O que a gente precisa é tomar cuidado. É aumentar os espaços entre feirantes, mudar a feira, ou espalhar a feira por vários espaços na cidade. Porque o agricultor precisa vender. A mesma coisa vale para o comércio”, sugeriu.

Segundo o gestor, a ação não valeria para cidades já com casos ou que tenham municípios vizinhos com confirmação para a Covid-19. Rui deu o exemplo de São Félix e Cachoeira. “Mas a decisão eu respeito. Aí vai depender de cada prefeito e da população”, afirmou. Rui disse ainda que escolas e eventos, por sua vez, devem ter as atividades suspensas desde já.

Idosos do município de Ipubi recebem imunização contra a gripe em casa

Começou na última segunda-feira, 23, em todo o Brasil, a Campanha de Vacinação contra a Gripe. Em Ipubi-PE, no Sertão do Araripe, equipes da Secretaria de Saúde estão visitando residências de idosos para imunizá-los. O objetivo é evitar aglomerações, que potencializam o risco de transmissão do coronavírus.

Nesse primeiro momento a campanha beneficia idosos e profissionais de saúde. A partir do dia 16 de abril serão vacinados professores, profissionais das forças de segurança e salvamento e portadores de doenças crônicas.

A última fase da campanha, que se inicia no dia 5 de maio, contempla gestantes, puérperas, crianças de 6 meses a menores de 6 anos, adolescentes sob medidas socioeducativas, presos, funcionários do sistema prisional, adultos de 55 a 59 anos e portadores de deficiência.