Homem é preso em Betânia do Piauí após agredir esposa e sogra com pedaço de madeira

Um homem identificado como J.J.S.F, mais conhecido como Filinho, foi preso em flagrante na noite desta quarta-feira (11), na zona rural de Betânia do Piauí, acusado de lesão corporal dolosa e violência doméstica.

O fato aconteceu na Vila Painha/Serra do Inácio, por volta das 18:20. Segundo a PM, a sogra de J.J, ligou informando que o mesmo havia agredido ela e sua filha com um pedaço de pau, e quebrado tudo dentro de casa.

A guarnição foi até o local indicado, mas ao chegar, não encontrou o acusado. Em diligência, a polícia encontrou J.J na residência do seu pai.

O acusado recebeu voz de prisão e foi encaminhado juntamente com as vítimas para a Delegacia de Polícia Civil de Paulistana para os procedimentos cabíveis.

Três homens de Serra Talhada são presos com mais de uma tonelada de cocaína no Piauí

A Polícia  Civil do Piauí apreendeu uma quantidade de R$ 12 mil, duas aeronaves e mais de uma tonelada de cocaína pura na tarde dessa terça-feira (10). De Pernambuco, três homens são serra-talhadenses: Alexandre Wagner Ferraz, Renato Solon Magalhães e Alexandre Barros Pereira de Menezes, este último sobrinho do ex-prefeito Carlos Evandro.

No total, sete pessoas foram presas em dois hotéis e em uma quitinete na Zona Norte de Teresina. A apreensão dos entorpecentes aconteceu em diversos pontos da capital. Segundo a Secretaria de Segurança, trata-se da maior apreensão de cocaína na história do estado.

A Secretaria de Segurança do Piauí informou que foram apreendidos quatro veículos. Em relação as aeronaves, elas foram localizadas em um aeroporto privado no município de Timon, no Maranhão. Em seguida, o helicóptero e o bimotor foram levados para o hangar do Governo do Piauí. De acordo com o secretário de segurança, Fábio Abreu, o grupo pretendia lucrar em torno de R$ 25 milhões com os entorpecentes.

Dos suspeitos presos, três deles são pilotos das aeronaves. Os demais, conforme as investigações, participavam da locação de sítios.

“Foram presas sete pessoas, quatro pilotos de aeronaves e outros três homens que faziam o acompanhamento e participavam do setor de logística, ou seja, faziam a locação de sítios. Um dos sítios eles chegaram a alugar por R$ 10 mil. Os presos são do Pará, Pernambuco e Bahia. Nós temos um piauiense que, segundo ele, trabalhava em um garimpo e ajudava na locação dos espaços”, comentou o secretário de segurança, Fábio Abreu. (Do G1 PI)

Cinco homens do Maranhão são presos tentando fraudar bingo em Simões-PI

Cinco homens foram presos pela Polícia Militar na tarde do último sábado, 31, após tentarem fraudar um bingo na cidade de Simões. A tentativa foi descoberta no sorteio do último prêmio, um carro modelo Fiat Pálio, quando um homem identificado por Geraldo Cavalcante Manari Filho, de 29 anos, natural de Presidente Dutra/MA, se apresentou como ganhador.

A cartela apresentada levantou suspeita dos organizadores. Populares também denunciaram que o suposto ganhador havia saído de um carro que estava estacionado próximo ao local do bingo, e que dentro haviam outras pessoas, além de um notebook e uma impressora.

Diante da suspeita, a Polícia Militar foi acionada e o primeiro suspeito detido. Equipes da PM, então, iniciaram as buscas aos demais e conseguiu localizar dois suspeitos com o veículo e os equipamentos. O notebook exibia na tela a imagem da cartela falsa utilizada para tentar ganhar o carro. Denúncias levaram a polícia a outras duas pessoas, que foram capturadas já na saída da cidade, em um posto de combustíveis.

O bando foi conduzido para a Delegacia Regional de Polícia Civil. Eles foram identificados como Eliel Rodrigues Silva, de 36 anos, suposto líder, natural de Imperatriz/MA; Robson Alves dos Santos, de 36 anos, natural de Presidente Dutra/MA; Gibson Lemos Falcão, de 37 anos, natural de São Luís/MA, que é dono de uma gráfica no Maranhão; Geraldo Cavalcante Manari Filho, de 29 anos, natural de Presidente Dutra/MA, que tentou ganhar o carro; e Arnaldo Carvalho da Silva Sipião, de 44 anos, natural de Presidente Dutra/MA. (Por Roberto Gonçalves)