Vacina contra gripe no Recife e em Olinda: veja público-alvo da segunda etapa e locais de imunização

Começa nesta terça-feira (11) a segunda etapa de vacinação contra a gripe no Recife e também em Olinda. Podem ser imunizados pessoas com idades a partir de 60 anos e professores da rede básica. A expectativa na capital, segundo a prefeitura, é imunizar mais de 200 mil pessoas.

Composta por vírus inativado, a vacina protege contra os três tipos de vírus que mais circulam no hemisfério sul: Influenza A (H1N1), Influenza B e Influenza A (H3N2).

Apesar da vacina contra a gripe não ter eficácia contra o novo coronavírus, a imunização vai ajudar os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para Covid-19, já que alguns dos sintomas são parecidos com os da gripe.

Para ser imunizado contra influenza, em ambas as cidades, é recomendado levar um documento de identificação, a carteira de vacinação e o cartão SUS (se tiverem esses dois últimos). No caso dos professores, é necessário levar também documento que comprove vínculo ativo como educador.

Medidas para evitar infecções respiratórias como gripe e Covid-19

  • Lavar as mãos com água e sabão, frequentemente (principalmente antes de consumir algum alimento e após tossir, espirrar ou depois de usar o banheiro)
  • Evitar levar as mãos ao rosto (olhos, nariz, boca)
  • Ao tossir ou espirrar, cobrir o nariz e a boca com lenço descartável. Após o uso, descartá-los em lixeiras
  • Na ausência de um lenço, usar o ombro ou antebraço interno como barreira ao tossir ou espirrar
  • Não compartilhar alimentos, copos, garrafas, toalhas e objetos de uso pessoal
  • Manter os ambientes ventilados, com portas e janelas abertas, para favorecer a circulação de ar
  • Pessoas com gripe/resfriado devem evitar sair de casa, sobretudo para ambientes fechados e com aglomerações, assim como devem evitar ter contato direto com outras pessoas (abraço, beijo, apertos de mão etc)
  • Não usar medicamentos sem orientação médica. A automedicação pode ser prejudicial à saúde
  • Adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos

Mulher morre ao passar por alagamento em Olinda; parentes culpam a Celpe

Sandra Helena da Silva, de 56 anos, morreu ao passar por uma rua alagada, em Olinda, no Grande Recife, disseram que casos de choque elétrico já tinham sido registrados no local. A morte ocorreu nesta quarta (5) e provocou muita revolta. “Isso não pode ficar assim”, declarou Daniel Freitas, irmão da vítima.

A Polícia Civil registrou o caso como “morte a esclarecer”. O Corpo de Bombeiros informou, em nota, que foi acionado por volta das 10h30, para o caso ocorrido no bairro do Varadouro.

“Populares informaram que vítima recebeu descarga elétrica na via alagada devido às chuvas”, disse a corporação em nota.

Filha mais velha de Sandra, Lidian Freitas disse que “está muito triste” com a morte da mãe e revoltada com a situação na rua.

“JÁ FAZIA MUITO TEMPO QUE ESTAVA ACONTECENDO AQUILO. O POVO SE QUEIXANDO QUE ESTAVA PASSANDO E DANDO DESCARGA ELÉTRICA E NADA DE RESOLVEREM”. DISSE.

A dona de casa também se queixou da postura das autoridades, após a morte da mãe. “Ela ficou dentro da água. Uma pessoa puxou. Eu achei isso muita falta de respeito pelo ser humano e minha mãe não merecia isso”, declarou.

Vizinho de Sandra, Clécio Gomes disse que, há alguns dias, houve casos de choque na área. “Faz oito dias e um rapaz passou com um cachorro e levou choque. Duas senhoras da comunidade também foram atingidas”, declarou.

Irmão de Helena, Daniel Freitas afirmou que ficou revoltado com a morte da irmã e com a postura das autoridades. “Isso aconteceu perto da delegacia e também da Celpe, que acredito ser a principal culpada”, declarou. (Do Blog do Roberto)

Caso Miguel: advogados pedem à Justiça anulação de depoimento feito sem a presença de representantes da mãe de garoto

Advogados de Mirtes Renata Santana de Souza, mãe de Miguel Santana, de 5 anos, que morreu após cair de uma altura de 35 metros em um prédio de luxo, no Recife, pediram a anulação do depoimento de uma testemunha. Segundo eles, a ouvida foi feita sem a presença dos representantes legais da família da vítima.

A morte do menino ocorreu no dia 2 de junho de 2020, no Centro do Recife. Quando o garoto caiu do 9º andar do edifício, estava sob os cuidados da ex-patroa de Mirtes, a ex-primeira-dama de Tamandaré, Sarí Corte Real. Mirtes tinha saído para passear com a cadela dos ex-patrões.

Segundo os representantes legais de Mirtes, a testemunha foi convocada pela defesa de Sari Corte Real. Esse procedimento faz parte do processo de homicídio culposo pela morte do menino.

Essa testemunha, segundo os advogados que ajudam a mãe do garoto, seria ouvida na Comarca de Tracunhaém, na Zona da Mata Norte do estado. No entanto, ela acabou prestando depoimento sem o conhecimento dos representantes da família do menino.

No pedido, feito ao Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) na segunda (3), os assistentes de acusação que representam Mirtes afirmam que a ausência de intimação é um fato que gera nulidade processual.

O advogado Rodrigo Almendra afirmou que é direito dela, representada por meio de seus advogados, realizar perguntas para as testemunhas do caso.

Miguel Otávio de Santana, de 5 anos, morreu no dia 2 de junho de 2020 ao cair do nono andar de um condomínio de luxo no bairro de São José, no Centro do Recife.

Filho da doméstica Mirtes Renata Santana de Souza, que saiu para passear com a cadela dos patrões, o menino ficou sob os cuidados de Sari Corte Real, ex-patroa de sua mãe e ex-primeira-dama da cidade de Tamandaré

Imagens de câmeras de segurança mostram o menino entrando no elevador de serviço, e a empregadora da mãe apertando o botão que leva à cobertura. Sozinho, Miguel caiu do 9º andar do prédio e morreu.

No mesmo dia, Sari foi levada para a delegacia e chegou a ser presa em flagrante, mas pagou fiança de R$ 20 mil para responder ao processo em liberdade. Depois de um mês da morte da criança, a Polícia Civil indiciou Sari por abandono de incapaz que resultou em morte. (Do G1 Pernambuco)

Governo de PE autoriza ampliação de horário de funcionamento do comércio para o Dia das Mães

O horário de funcionamento de lojas de bairros, do Centro do Recife e de shoppings em Pernambuco será ampliado a partir de sexta-feira (7) por causa do Dia das Mães. A determinação, válida até o domingo (9), foi publicada no Diário Oficial do Estado, nesta terça-feira (4), em edição extra.

Por causa da pandemia, o horário do comércio passou por várias mudanças. A última delas está em vigor desde 26 de abril.

De acordo com a nova determinação do estado, na sexta (7) e sábado (8), os estabelecimentos poderão funcionar das 8h às 20h. No domingo (9), eles têm autorização para abrir das 8h às 18h.

A capacidade estabelecida pelo governo de Pernambuco para os três dias é de um cliente a cada dez metros quadrados em áreas de circulação e um cliente a cada cinco metros quadrados em área interna de cada loja.

A portaria foi publicada pelas Secretaria Estaduais de Saúde (SES-PE) e de Desenvolvimento Econômico.

No documento, o governo explica que a decisão foi tomada “em razão da possibilidade de fluxo de compras intenso relativo à comemoração do Dia das Mães”.

Nos outros dias, o comércio em geral, inclusive shoppings centers e galerias comerciais, pode funcionar das 10h às 20h, de segunda-feira a sexta-feira.

Nos fins de semana e feriados, esse estabelecimentos têm duas opções de horário: das 9h às 17h ou das 10h às 18h.

Já comércio de bairro, como os estabelecimentos varejistas de pequeno porte situados em áreas residenciais, fora de shoppings centers e galerias comerciais, podem abrir das 8h às 18h, das 9h às 19h ou das 10h às 20h, de segunda a sexta; das 9h às 17h ou das 10h às 18h, nos finais de semana e feriados.(Do  G1 Pernambuco)

Chuvas causam alagamentos e transtornos no Grande Recife

As chuvas que caíram no Grande Recife, nesta terça-feira (4), causaram alagamentos em diversos pontos da capital e Região Metropolitana. De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), em 24 horas, até as 7h30, choveu 62 milímetros em Paulista, 58 em Jaboatão, 53 em Olinda e 47 na capital.

Houve pontos de alagamento na Avenida Sul, no bairro de São José, e na Rua Quitério Inácio de Melo, em Afogados, na Zona Oeste do Recife. Nesses locais, o trânsito ficou lento, porque os motoristas precisavam reduzir a velocidade para passar pela água.

Em Jardim São Paulo, na Zona Oeste, um canal próximo à Avenida Recife transbordou, deixando ruas alagadas. Em alguns pontos, os moradores sequer conseguiam distinguir o que era rua e o que era córrego.

Na Zona Sul, a Avenida Dois Rios, no Ibura, também ficou alagada. Para diminuir os problemas, motoqueiros precisaram andar com as pernas levantadas, causando risco à própria segurança.

(Do G1 Pernambuco)

Coqueiro cai em cima de dois carros na Avenida Boa Viagem, no Recife

Um coqueiro caiu em cima de dois carros na Avenida Boa Viagem, no bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, na noite desta sexta-feira (30). A queda da árvore aconteceu na altura do Segundo Jardim.

A Autarquia de Manutenção e Limpeza Urbana do Recife (Emlurb) foi acionada por volta das 19h e, por meio de nota, informou que enviou uma equipe ao local para retirar o coqueiro de cima dos veículos atingidos. O trabalho foi concluído às 20h55.

A Emlurb também disse que vai investigar o que provocou a queda da árvore e orientou que os proprietários dos veículos atingidos pelo coqueiro entrem em contato com a autarquia para abrirem um processo administrativo, que é necessário para o ressarcimento pelos danos causados.

Uma equipe da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) também foi acionada para o local, mas informou que a queda do coqueiro não afetou o trânsito na área. (Do G1 Pernambuco)

CPI da covid-19 pediu caso julgado pelo TCE dos respiradores testados em porcos comprados pela Prefeitura do Recife

A CPI da Covid-19 no Senado aprovou um requerimento de compartilhamento de provas da Operação Apneia, que investiga a compra sem licitação de 500 respiradores testados em porcos pela gestão do ex-prefeito Geraldo Júlio (PSB).

A Justiça Federal deu prioridade ao pedido, já tendo o juiz federal do caso aprovado em caráter de urgência o compartilhamento das provas com o Senado, na noite de ontem.

Os respiradores não tinham aval da ANVISA e não estavam aprovados para uso em seres humanos. Mesmo assim, houve a compra pela gestão de Geraldo Júlio, inclusive com o pagamento adiantado de parte dos respiradores.

Em 2021, a Polícia Federal (PF) informou oficialmente que indiciou servidores da gestão anterior da Prefeitura por supostos crimes na compra. Na última terça-feira, o conselheiro Carlos Neves, do Tribunal de Contas do Estado (TCE) apresentou um voto para julgar a dispensa emergencial regular. Foi o assunto da semana, no Estado, nas redes sociais.

Um dos pontos que poderão ser analisados na CPI, informa fonte bolsonarista no Estado, é a decisão do TCE desta semana, que surpreendeu a todos. Segundo outra fonte na Polícia Federal (PF), as provas seriam gravíssimas, mas, apesar de compartilhadas com o TCE a pedido do conselheiro Carlos Neves, teriam sido desconsideradas no julgamento do órgão esta semana.

Foi nesta operação que o Ministério Público Federal (MPF) pediu a prisão temporária do ex-secretário Jailson Correia. O pedido, contudo, foi negado pela Justiça Federal. (Do Blog do Magno Martins).

Recife anuncia agendamento de vacinação contra a Covid-19 para trabalhadores da educação com 40 anos ou mais

Recife anunciou, nesta terça (27), a vacinação contra a Covid-19 para trabalhadores da Educação com 40 anos ou mais que atuam em instituições de ensino básico públicas das redes municipal, estadual e federal, além de escolas privadas. O agendamento para o novo grupo começa às 18h de quarta-feira (28).

O processo, segundo a prefeitura, poderá ser feito a partir das 18h, pela internet ou por meio da ferramenta Conecta Recife, disponível como aplicativo para celulares com os sistemas Android e iOS. A vacinação começa na quinta (29).

De acordo com prefeito João Campos, a Secretaria de Educação do Recife está enviando para todas as instituições de ensino da educação básica da cidade o modelo de declaração que as instituições vão fornecer para os trabalhadores da educação básica.

“Com as últimas remessas de AstraZeneca que chegaram à cidade, é possível abrir para um novo grupo. Com isso, a gente faz um importante avanço, colocando a educação como prioridade fundamental na cidade do Recife”, disse.

No ato da marcação, os trabalhadores devem anexar, e apresentar, no dia agendado para vacinação, uma declaração no modelo disponibilizado e assinada pelo responsável indicado pela sua instituição.

A Prefeitura do Recife já está vacinando pessoas com idades a partir de 60 anos, todos os trabalhadores da saúde e da atenção básica, pessoas em situação de rua e pessoas com deficiência institucionalizadas.

Ao todo, mais de 284 mil pessoas foram vacinadas no Recife, sendo mais de 167 mil com a segunda dose.

Passo a passo para agendar a vacinação

  • Baixar o aplicativo para o sistema Android ou iOS ou entrar no site do Conecta Recife
  • Marcar o grupo prioritário do qual faz parte
  • Anexar documentos de comprovante de residência e documento de identificação
  • Adicionar dados como nome, CPF, nome da mãe, telefone, nascimento, raça/cor, sexo, endereço e e-mail
  • Criar uma senha
  • Fazer login na plataforma e escolher o local e a data da vacinação

Quem pode se vacinar no Recife?

  • Pessoas com idades a partir de 60 anos
  • Trabalhadores da saúde, ativos, de qualquer área, a partir de 50 anos
  • Trabalhadores da Atenção Básica do município
  • Trabalhadores da saúde que atuam em UTIs (adulto, pediatria, neonatalogia, coronária e oncologia), setores de quimioterapia (ambulatorial e hospitalar), segmentos hospitalares de cardiologia, vascular e neurologia (enfermaria e diagnóstico), Terapia Renal Substitutiva (hemodiálise), maternidades (centro obstétrico, berçário, alojamento conjunto, centro de parto normal, diagnóstico e farmácia) e setores hospitalares de endoscopia, broncoscopia e imagem
  • Trabalhadores de policlínicas municipais
  • Funcionários das vigilâncias epidemiológica, sanitária, ambiental
  • Funcionários do sistema funerário que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados
  • Trabalhadores de saúde lotados em hospitais do município
  • Cirurgiões-dentistas
  • Estudantes da área de saúde que atuam na linha de frente da covid-19 (UTI e enfermaria covid-19) e nos serviços de urgência e emergência
  • Trabalhadores da Educação com 40 anos ou mais, das redes pública e privada

Onde se vacinar

Há, no Recife, 17 pontos de vacinação, entre salas e drive-thrus, em que a pessoa não precisa sair do carro. Todos os locais funcionam das 7h30 às 18h30, de domingo a domingo.

Drive-thrus

  • Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS), na Tamarineira
  • Parque de Exposição de Animais, no Cordeiro
  • Fórum Ministro Artur Marinho – Justiça Federal de Pernambuco (Avenida Recife), no Jiquiá
  • Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos
  • Juizados Especiais do Recife, na Imbiribeira
  • Parque da Macaxeira, na Macaxeira
  • Geraldão, na Imbiribeira
  • Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), na Cidade Universitária
  • Tribunal Regional Federal da 5ª Região, no Bairro do Recife
  • BIG Bompreço de Boa Viagem
  • BIG Bompreço de Casa Forte

Salas de vacinação

  • Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), em Dois Irmãos
  • Parque de Exposição de Animais, no Cordeiro
  • Unidade de Cuidados Integrais (UCIS) Guilherme Abath, no Hipódromo
  • Compaz Ariano Suassuna, no Cordeiro
  • Geraldão, na Imbiribeira
  • Centro de Saúde Sebastião Ivo Rabelo, no Ibura

(Do G1 Pernambuco)

Motoristas e cobradores fazem protesto pedindo vacina contra Covid-19, e estacionam ônibus no Centro do Recife

Motoristas e cobradores paralisaram estacionaram os ônibus na Avenida Conde da Boa Vista e outras vias no Centro da capital pernambucana Recife, na manhã desta segunda-feira (26). O ato foi realizado por trabalhadores que reivindicam prioridade na campanha de vacinação contra a Covid-19. O protesto foi encerrado por volta das 9h30.

A paralisação ocorreu no cruzamento da Avenida Conde da Boa Vista com a Rua do Sol, afetando a circulação de linhas que passam por essas vias.

Este foi o segundo ato pedindo a prioridade na vacinação. O outro ocorreu no dia 13 de abril, no mesmo local. O ato foi realizado pelo Sindicato dos Rodoviários de Pernambuco. A entidade divulgou uma carta ao governador Paulo Câmara (PSB) pedindo antecipação da vacina.

Recife anuncia agendamento de vacinação contra a Covid-19 para pessoas com idades a partir de 60 anos

 

Recife anunciou o início do agendamento da vacinação contra a Covid-19 para pessoas com idades a partir de 60 anos, nesta sexta-feira (16). O processo, segundo a prefeitura, poderá ser feito a partir das 12h, pela internet ou por meio da ferramenta Conecta Recife, disponível como aplicativo para celulares com os sistemas Android e IOS.

A ampliação foi feita no dia em que o estado recebeu mais 255 mil doses de vacinas contra a Covid-19. Com a nova remessa, o estado também passou a destinar aos municípios vacinas para essa faixa etária – cabe a cada cidade definir o calendário. Antes, o Recife vacinava pessoas de idades a partir de 62 anos.

“Recebemos nesta madrugada um novo lote de vacina e, com isso, está sendo possível abrir a vacinação contra Covid-19 para um novo grupo. Pessoas com 60 e 61 anos poderão fazer o agendamento ao meio-dia de hoje” afirmou o prefeito João Campos (PSB) em vídeo publicado nas redes sociais.

Até esta sexta-feira, cerca de 266 mil pessoas foram vacinadas na capital, sendo 266,5 mil primeiras doses e 118,5 mil segundas doses. Para ser vacinado, é preciso anexar, no ato da marcação, comprovante de residência e o documento de identificação oficial, além de apresentá-los também no dia agendado para imunização. (Do G1 Pernambuco)