Motoristas de vans da região do Araripe realizarão protesto em Ouricuri contra Lei Federal

Um grupo de representantes do transporte alternativo, motoristas de vans da região do Araripe se organizam para uma grande manifestação pacifica em Ouricuri na próxima sexta-feira (16), os representantes dos transportes alternativos de passageiros convocaram para o manifesto Prefeitos, Vereadores, deputados entre outras autoridades politicas da região que possam fortalecer a luta. A categoria mostra-se insatisfeita contra mudanças no Código Brasileiro de Trânsito (CBT) por meio da Lei 13.855/19, sancionada no mês passado pelo presidente Jair Bolsonaro.

Pela lei, as vans que realizam transporte remunerado de passageiros só vão continuar na atividade se tiverem autorizadas. Caso contrário, a partir do próximo dia 9 de outubro, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) irá multar todos os veículos fora desse critério. A fiscalização será severa e a multa gravíssima, inclusive com a remoção do veiculo que não estiver autorizado. Dessa forma os profissionais do volante afirmam que será impossível trabalhar com tantas exigências e vão lutar por mudanças na lei que pode deixar muitos desempregados na região

Quem for considerado irregular e for pego atuando no transporte alternativo, estará cometendo infração gravíssima e terá de pagar uma multa de R$ 1.467,35. Além disso, serão registrados sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do condutor que terá o removido.

O encontro está marcado para o final da tarde da sexta-feira (16), onde os motoristas das vans irão sair em comboio de Araripina, encontrarão outro grupo em Trindade e seguirão juntos até Ouricuri para a realização do ato no inicio da noite, a Policia Rodoviária Federal vai realizar palestra na ocasião sobre as possíveis mudanças no transporte, o grupo já conta com o apoio do deputado estadual Antonio Fernando e do deputado federal Gonzaga Patriota entre outros representantes políticos. (Por Francisco Monteiro)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.