No Dia do Professor, educadores de Moreilândia reivindicam pagamento de salário atrasado

Segurando cartazes com frases como “Trabalhar é um dever! Receber é um direito”, professores da rede municipal de Moreilândia foram às ruas na manhã desta terça-feira, 15, reivindicar o pagamento de salário atrasado.

Sem receber a parcela de setembro até o momento, os servidores aproveitaram o “Dia do Professor”, quando as escolas param, para fazer a manifestação. Os educadores percorreram ruas do Centro acompanhados por um veículo equipado com som automotivo.

Segundo informações de pessoas ligadas ao governo municipal, a situação financeira da Prefeitura de Moreilândia é delicada. As fontes afirmam que todos os meses o prefeito Eri precisa complementar a folha da Educação com recursos do FPM, prejudicando outras secretarias. (Por Alvinho Patriota)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.