Prefeito de Granito João Bosco será julgado em segunda instancia na terça-feira (20)

 

O gestor foi condenado em primeira instância por improbidade administrativa, como a sentença era passível de recurso, o mesmo recorreu, e se não fosse a pandemia do novo coronavírus já teria acontecido o julgamento em segunda instância que estava agendado para o mês de maio do corrente ano.

O adiamento do julgamento em segunda instância foi provocado pela assessoria jurídica do prefeito João Bosco.

De acordo com o processo que será julgado na segunda instância, João Bosco demonstra está com o pé atrás (preocupação), pois mudou a sua defesa, o advogado que lhe defenderá agora será outro.

O Tribunal de Justiça da 5ª Região marcou o julgamento desse processo para próxima terça-feira (20 de outubro), caso a sentença da primeira instância se mantenha na segunda instância, João Bosco poderá ser afastado da prefeitura que deverá ser assumida pelo vice-prefeito Neto de Onofre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.