Homem tem cabeça arrancada após ser morto a tiros no interior de Pernambuco

Imagem / Ilustrativa da internet

Um crime brutal foi registrado nesse sábado (11) em Gravatá, no Agreste de Pernambuco. O vendedor Jônata Luís da Silva Ferreira, de 21 anos, foi morto a tiros e depois foi decapitado.

De acordo com informações da polícia, o jovem vendia DVDs no centro da cidade, tinha envolvimento com o tráfico de drogas e cometia furtos na localidade onde morava. A policia informou também que a cabeça da vítima ainda não foi encontrada.

O padrasto de Jônata contou que o enteado frequentava rituais de ocultismo. A autoria e a motivação do crime estão sendo investigadas pela Polícia Civil. O corpo da vítima foi liberado na manhã dessa segunda-feira (13) do IML de Caruaru. (Informações da Rádio Jornal)

Homem morre após cair de moto e bater cabeça no chão em Araripina

Um homem de 31 anos morreu na madrugada desta segunda-feira (30) após perder o controle da motocicleta no Centro de Araripina, no Sertão de Pernambuco. De acordo com o 7º Batalhão da Polícia Militar (BPM), ele passava por um quebra mola na Avenida Governador Muniz Falcão, quando perdeu o controle, caiu do veículo e bateu a cabeça no chão, vindo a óbito.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e ainda prestou socorro, mas o motociclista não resistiu e morreu no local.

Mulher é atingida com golpe de faca na cabeça durante festa em Ouricuri

Lucineide Bento de Jesus foi atingida por um golpe de faca na cabeça, durante uma festa, nesta segunda-feira (14), em Ouricuri, Segundo a Polícia Militar o suspeito da agressão é o namorado da mulher conhecido como Cristiano. Ninguém foi preso. A ocorrência foi registrada na Delegacia de Polícia Civil da cidade.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, a vítima participava de uma festa, em uma residência  no Centro da cidade, quando foi atingida. Ela estava inconsciente e foi socorrida para o Hospital Regional Fernando Bezerra.

Segundo o Corpo de Bombeiros a vítima não corre risco de morte.

Mais um homicídio em Ouricuri: homem é assassinado com um tiro na cabeça

DSCN0379

O efetivo da Polícia foi acionado na tarde desse sábado (06), para atender mais um caso de homicídio em Ouricuri, desta vez, a vítima foi Franceilson Bezerra da Silva, conhecido como “Nego, ou Magnata”, casado e idade não informada. A vítima trabalhava em uma construção do lado de sua residência (Quadra S, Residencial São Sebastião – casinhas), quando os homicidas chegaram e efetuaram os disparos.

As polícias Militar e Civil foram ao local, mas não infelizmente não obtiveram informação conclusivas para desvendar o crime. O corpo da vítima foi liberado pela civil e encaminhado ao funeral.

Franceilson deixa dois filhos e populares não sabem se o mesmo tinha envolvimentos com delitos. O caso está sendo investigado pela DPC de Ouricuri.