Lucas Ramos garante novas ambulâncias para Exu e Santa Cruz

Os serviços de saúde pública prestados pela prefeitura de Exu, no Sertão do Araripe, ganharam um reforço: já está à disposição do município uma nova ambulância que irá atender a população das zonas urbana e rural. O veículo foi adquirido graças aos recursos provenientes de emenda parlamentar de autoria do deputado Lucas Ramos (PSB).

O veículo é totalmente equipado para prestar atendimento em primeiros socorros, transportar enfermos e até realizar procedimentos simples, como pequenas suturas e imobilizações. O custo para aquisição da ambulância foi de R$ 78 mil.

SANTA CRUZ – Os investimentos em saúde se expandem por todo Araripe. No próximo sábado (23), Lucas Ramos participará da entrega de mais duas ambulâncias para o município de Santa Cruz. (Da Ascom)

Câmara garante fundo bilionário para abastecer campanhas em 2018

Às vésperas do prazo final, a Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (4) o texto-base de um projeto que cria um fundo eleitoral para financiar as campanhas com recursos públicos. A estimativa é que esse fundo tenha cerca de R$ 1,7 bilhão em 2018.

O texto foi aprovado de forma simbólica, sem o registro de votos no painel eletrônico, o que provocou protesto no plenário. O deputado Júlio Delgado (PSB-MG), que era favorável à votação nominal bateu-boca com o deputado Carlos Marun (PMDB-MS).

Com os dedos em riste, os dois discutiram e precisaram ser separados pelos colegas parlamentares.

Antes da discussão, os deputados chegaram a apreciar um pedido para que a votação fosse nominal para que se conhecesse o voto de cada parlamentar, mas esse requerimento foi rejeitado.

Os deputados ainda precisam analisar destaques que podem alterar o conteúdo da matéria. O texto já passou pelo Senado e, se não sofrer nenhuma modificação na Câmara, segue direto para sanção presidencial, sem precisar ser reapreciado pelos senadores.

Pela proposta aprovada, o fundo será composto por:

1) 30% do total das emendas parlamentares de bancada constantes da Lei Orçamentária Anual. Os recursos abastecerão o fundo exclusivamente em ano eleitoral. As emendas de bancada consistem em indicações feitas pelos parlamentares de um estado para aplicação de recursos do Orçamento da União em obras e serviços no Estado deles;

2) Montante referente à isenção fiscal das emissoras comerciais de rádio e TV que veicularam, em 2017 e 2016, a propaganda partidária, exibida fora do período eleitoral e que será extinta. O horário eleitoral gratuito ficará mantido.

Desagrado

O texto possui alguns pontos que desagradaram aos deputados, mas, para viabilizar a sua aprovação, foi fechado um acordo com o Palácio do Planalto para que esses trechos sejam vetados pelo presidente Michel Temer.

Uma das divergências foi a inclusão de um trecho pelos senadores que prevê que parte do Fundo Partidário, que já existe e serve para financiar a manutenção das legendas, possa ser destinada para as eleições majoritárias, modelo pelo qual senadores, governadores e presidente da República são eleitos.

No entanto, os deputados, que são eleitos pelo sistema proporcional, não concordam com esse ponto uma vez que não seriam beneficiados por essa regra.

Outra questão que, pelo acordo, seria vetada por Temer, é sobre os critérios para a distribuição do fundo eleitoral. As regras para distribuição desse fundo constam de outro texto, relatado pelo deputado Vicente Cândido (PT-SP), que ainda precisa ter a votação concluída pelo plenário da Câmara.
A proposta do deputado petista favorece em parte os partidos que conseguiram ampliar as suas bancadas neste ano.

Os parlamentares correm contra o tempo para aprovar as mudanças porque, para valerem já nas eleições de 2018, elas precisam ser aprovadas até o fim desta semana, um ano antes do pleito.

Diante da proibição de doações empresarias, os políticos têm interesse em achar uma saída para bancar as suas campanhas. Nos bastidores, os deputados admitem que, se não houver fundo, a possibilidade de haver caixa dois é grande.

O texto também acaba com a propaganda partidária gratuita veiculada por rádio e televisão nos anos em que não há eleição. (Do Estadão)

Lula fará ato público em Ouricuri no dia 31 de agosto, garante Ferrinho do Sindicato

O líder sindical, Ferrinho, garantiu que o ex-presidente Lula fara um ato público em Ouricuri, no Sertão do Araripe, na quinta-feira, 31 de agosto. A afirmativa se deu na última sexta-feira (18) no Programa Jornalístico Tribuna do Povo, na rádio Cultura FM de Ouricuri.

Segundo Ferrinho, que faz parte da diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ouricuri e da Fetape, a agenda do petista na cidade será realizada no período da tarde.

Na primeira agenda divulgada da Caravana do ex-presidente pelo Nordeste, constava na mesma a cidade de Ouricuri, posteriormente, o prefeito de Granito, João Bosco (PT), afirmou na imprensa local, que a agenda de Lula na região seria em sua cidade.

Sobre o assunto, Ferrinho disse que, depois de muitos contatos com a CUT e Instituto Lula, a primeira agenda, a qual consta Ouricuri no roteiro do ex-presidente prevaleceu.

Lucas Ramos garante conclusão de sistema de abastecimento de água do Serrote do Urubu

lucas-ramos-e-roberto-tavares

O deputado estadual Lucas Ramos (PSB) comentou nesta quinta-feira (17) a abertura de licitação, por meio da Compesa, para conclusão das obras do sistema de abastecimento de água da comunidade Serrote do Urubu, em Petrolina. O edital estará disponível para consulta a partir da próxima terça-feira (22) e a empresa que ficará responsável pelo serviço deverá ser conhecida nas primeiras semanas de dezembro.

“Os moradores do Serrote do Urubu esperavam há muito tempo pelo sistema de abastecimento de água e destinamos recursos, via emenda parlamentar, para que fosse possível terminar a obra”, explicou Lucas Ramos. “Em breve, 450 famílias terão água de qualidade saindo das torneiras”, anunciou o parlamentar. Após o término do processo licitatório, a ordem de serviço será assinada e a previsão é de que os trabalhos durem seis meses.

Os detalhes da licitação foram apresentados durante reunião do deputado com o presidente da Compesa, Roberto Tavares, no Recife. “A companhia ficará responsável pela entrega final do sistema e conseguimos a garantia do presidente de que todos os procedimentos serão realizados para que os trabalhos sejam concluídos no primeiro semestre de 2017”, antecipou Lucas.

Por meio de colaboração popular, Apura Fácil garante agilidade em apuração paralela

unnamedO Apura Fácil tem como objetivo realizar uma apuração paralela à oficial, garantindo mais transparência e rapidez na divulgação do número de votos das eleições 2016. Para receber informações referentes à apuração dos votos na sua cidade, é necessário que você faça o download do Apura Fácil no seu smartphone e que os QR Codes, disponibilizados nas seções eleitorais do seu município, sejam capturados.

Todos os municípios brasileiros já foram inseridos no aplicativo e qualquer cidadão, de qualquer região, poderá utilizar os serviços. Entretanto, o Apura Fácil é um aplicativo colaborativo, fazendo com que a participação popular na apuração dos resultados seja fundamental. Somente os municípios em que os QR Codes forem capturados, terão acesso ao resultado paralelo.

Para participar da apuração é simples! No dia 2 de outubro, ao final das eleições, serão disponibilizados, em todos os Boletins de Urna (BU), os QR Codes. Para que o seu município obtenha o resultado das eleições rapidamente, um grupo de pessoas pode se mobilizar, baixar o aplicativo e, no final da eleição, capturar os QR Codes das seções. Assim, todos poderão ter transparência e acesso ao número de votos em questão de minutos.

Clique aqui para mais informações

Assessoria de Ricardo Ramos Explica nota divulgada e Garante sua Candidatura a prefeito de Ouricuri

ricardo ramos

A assessoria jurídica do pré-candidato a Prefeito de Ouricuri/PE, Ricardo Ramos (PSDB) vem, esclarecer que o resultado do recurso no qual está sendo divulgado pelas mídias sociais e faladas, trata-se de embargos de declaração, recurso o qual tem o condão de explicar alguns pontos falhos e obscuros na sentença. Como bem mostra art. 535 do novo código de processo civil.

Art. 535. Cabem embargos de declaração quando:

I – houver, na sentença ou no acórdão, obscuridade ou contradição;

Informa ainda que somente após a publicação do resultado dos embargos de declaração, é que terá inicio o prazo para impetrar recurso ordinário, mecanismo legal cabível nesses casos, o qual a assessoria jurídica do pré-candidato Ricardo Ramos, por meio do Dr. Wilker Ferreira dos Santos já está providenciando.

Diante dos fatos, mais uma vez o pré-candidato a Prefeito de Ouricuri/PE, Ricardo Ramos (PSDB) reafirma sua pré-candidatura.