Prefeito de Trindade se pronuncia sobre acusações do MPPE

Após a divulgação da acusação do MP contra o prefeito de Trindade, Éverto Costa, nossa redação entrou em contato com a assessoria do prefeito, que afirmou não ter sido notificado do processo e afirmou que esse possível dinheiro citado não está em nenhuma conta da prefeitura, não está na conta do prefeito, não está na conta dos citados nomes, nem na conta de nenhum dos seus familiares.

O prefeito de Trindade Éverton Costa, falou no final da manhã desta terça-feira, dia 13 de agosto em mensagem de áudio e vídeo enviado a este blog, sobre essa ação civil pública que foi ajuizada contra ele e outros integrantes da Prefeitura, pelo MPPE por ato de improbidade administrativa com pedido liminar pelo seu afastamento do cargo.

Ainda segundo Everton Costa, já houve auditoria no Fundo Municipal de Aposentadorias e Pensões (Fumap) que constatou que não teve esse desvio.

Dr. Éverton Costa aproveitou para responder alguns vereadores da oposição, que segundo ele, chegaram a falar em um rombo de R$ 200 milhões no Fumap. “Já falaram em R$ 89 milhões, já se falou em R$ 155 milhões e ultimamente R$ 200 milhões. Por último agora ficou demonstrado com a auditoria do TCE que é de R$ 3 milhões e 200 mil. Quer dizer, prá quem gosta de politicagem e chacota a conta já caiu muito”.