Ex-prefeito de Serrita é condenado por descontar salário de servidores para construir igreja

O ex-prefeito do município de Serrita, no Sertão de Pernambuco, Carlos Eurico Ferreira Cecílio, foi condenado em segunda instância por improbidade administrativa. Ele é acusado de descontar mensalmente valores entre R$ 10 e R$ 100 dos salários dos servidores para usar na construção de uma igreja católica.

Carlos Cecílio já havia sido condenado pela Justiça em 2016, mas recorreu. A 1ª Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça de Pernambuco manteve a decisão.

A condenação do ex-prefeito foi resultado de investigações do Ministério Público. Um procedimento foi instaurado em 2010 para reunir informações sobre denúncias de que Carlos Cecílio estaria efetuando descontos nos contracheques de servidores públicos municipais para destinar os recursos à construção de uma capela na Vila do Vaqueiro. (Por Roberto Gonçalves)

Criminosos explodem agência bancária em Serrita

Na madrugada desta quinta-feira (6), a  agencia do Banco do Brasil de Serrita-PE, foi alvo de um ataque. De acordo com a Polícia Civil (PC), os ditos acusados explodiram o cofre do banco, por volta de 1 hora da manhã. Um homem foi feito refém e liberado após a ação, na  mesma cidade.

A operação durou em torno de 40 minutos e muitos tiros foram ouvidos. Os disparos teriam atingido a Delegacia da cidade e duas viaturas, além de casas e até uma igreja. Para impedir a chegada de reforço policial, o grupo queimou dois carros na entrada de Serrita. Durante a fuga, sentido Ceará, eles espalharam grampos pela estrada. A agência bancária está isolada para passar por perícia. 

Missa do Vaqueiro de Serrita pode não acontecer por falta de recurso

A Missa do Vaqueiro de Serrita, no Sertão de Pernambuco, é uma das festas mais tradicionais de estado, mas este ano corre o risco de não ser realizada por falta do repasse de verba do governo estadual para a organização do evento. Ela é realizada no Parque do Vaqueiro João Câncio, a 32 km do município, há 46 anos.

De acordo com a presidente da Fundação Padre João Câncio, Helena Câncio, ainda tem pagamento do governo do estado pendente da festa do ano passado. “Para gente que realiza a Missa do Vaqueiro cria aquela indecisão. Ora, se não pagamos 2016 e se o governo até esta data não diz porque não paga, nem quando vai pagar, como a gente vai trabalhar 2017. Eu não quero acreditar que não haja a Missa do Vaqueiro e que se quebre uma tradicionalidade de 47 anos”, disse Helena Câncio.

O presidente da Associação Luiz Gonzaga dos Forrozeiros do Brasil, Donizete Batista, que é parceiro na organização da festa, afirmou que o valor do patrocínio da Empresa de Turismo de Pernambuco (Empetur), firmado com a organização da Missa, é de R$ 149 mil. O dinheiro seria usado para o pagamento de toda manutenção do Parque, contratação de pessoal e promoção da vaquejada.

 

“Se a gente não pagou uma dívida anterior como vai gerar uma segunda? Então fica difícil. A gente trabalha com pessoas, a gente trabalha com empresa. Despesa que já foi feita precisa resolver para poder fazer novamente”, disse Donizete Batista.

A 47ª Missa do Vaqueiro em Serrita está prevista para acontecer de 21 a 24 de julho. O encontro homenageia o vaqueiro mais famoso da região, Raimundo Jacó, assassinado em 1970. O evento é esperado todos os anos com muita ansiedade pelos vaqueiros. “Se eu tiver a notícia que não vai ter a missa do vaqueiro, não tenho plano mais para nada”, lamentou o vaqueiro, Júlio Saraiva.

Além de ser uma das festas mais tradicionais do estado, é o evento que mais movimenta a economia todos os anos na cidade. E caso não venha a acontecer pode gerar um grande prejuízo para muita gente, segundo os comerciantes. “Muita gente depende muito dessa Missa do Vaqueiro. Comerciante e ambulante de couro, lanche e bebida… vai fazer falta para o comércio”, afirmou o comerciante, Gileno Ciqueira.

De acordo com o secretário de Cultura de Serrita, Tiago Câncio, todos os anos a vaquejada recebe, em média, 70 mil pessoas nos três dias de evento. Os visitantes movimentam mais de R$ 1 milhão na economia da região. “Esta é uma perda muito grande, culturalmente e economicamente, porque é uma festa esperada por todos. Tem turista que já deixa a reserva de um ano para o outro nos hotéis. É uma festa que não tem a divulgação que merece e ainda é do jeito que é e cresce a cada ano”, disse.

A Empetur informou que já depositou uma parte do valor do copatrocínio do evento. Mas somente após a organização da Missa do Vaqueiro prestar contas da primeira parcela, é que a Empresa de Turismo de Pernambuco vai fazer o pagamento do valor restante.

Missa do Vaqueiro de Serrita é cenário para novela Velho Chico da Rede Globo

not-236-20160727073738A Missa do Vaqueiro de Serrita, um dos eventos mais famosos e tradicionais de Pernambuco, foi cenário para a novela “Velho Chico” da Rede Globo, no capítulo que foi ao ar na noite dessa segunda-feira (25).

Na cena, os personagens Miguel, Olívia, Tereza, Encarnação, Afrânio, Iolanda e Carlos assistem a Missa do Vaqueiro. Já o personagem Santo participa da Missa na figura de um vaqueiro.

A passagem da novela emocionou muitos sertanejos ontem, principalmente os moradores de Serrita, onde a festa é realizada, e de Floresta, que teve sua bandeira exibida em destaque. (Do Blog Alvinho Patriota) 

Fundação Padre João Câncio divulga atrações preliminares da 46ª Missa do Vaqueiro em Serrita; confira

not-822-20160716175619

A Fundação Padre João Câncio, organizadora da 46ª Festa do Vaqueiro em Serrita, em parceria com o governo de Pernambuco divulgou a programação preliminar da Festa do Vaqueiro, sendo que 7 atrações já foram confirmadas, além de rodadas de sanfoneiros, aboiadores e um repentista.

O evento será realizado entre os dias 22, 23 e 24 de Julho no Parque Nacional do Vaqueiro, no sítio Lajes.

A Missa do Vaqueiro de Serrita é um dos mais tradicionais eventos artístico-culturais do Sertão pernambucano, atraindo multidões de PE e outros estados Brasileiros. O evento também reunirá autoridades regionais e estaduais.

A 5ª Feira de Negócios de Serrita, começará nesta sexta-feira (03)

fenese5

Acontecerá neste final de semana em Serrita, a 5ª edição da Feira de Negócios do Município (FENESE), este evento será realizado no Centro de Atividades Econômicas (CAE), na zona urbana da cidade.

A Feira promete atrair um grande público à cidade, já que este evento é tradição em Serrita. Para os organizadores, a expectativa é grande, pois esta feira é esperada deste do início do ano: “esperamos que a economia da cidade possa avançar com este evento, que reunirá milhares de pessoas”, disse um dos organizadores.

Os shows musicais acontecerão na sexta (03) e sábado (04), com atrações renomeadas na região. Se apresentarão na sexta: Bebo da Pisadinha, Nildo do Acordeon, Danilo Pernambucano e Mano Walter e sábado: Rômulo Júnior, Paulo Pedro e Os Vaqueiros do Forró, Érika Diniz e o cantor Ciel Rodrigues.

No domingo (05), ocorrerá o encerramento do evento e será apresentado um desfile dos vaqueiros pelas principais ruas da cidade.

Em Serrita, vaqueiros realizaram a maior cavalgada do Sertão de PE

vaqueiros serrita

Na tarde do último sábado (05), 518 vaqueiros desfilaram pelas principais ruas e avenidas da cidade de Serrita, a Capital do Vaqueiro no Sertão de Pernambuco. Apesar de ter sido a primeira cavalgada na cidade, ela se tornou a maior cavalgada do sertão do estado.

Os organizadores se prepararam para desfilar com 220 vaqueiros. Com uma lista nas mãos, acreditavam que alguns “valentes da caatinga” não conseguiriam embarcar seus cavalos nos oito caminhões disponibilizados para a realização do evento.

A festa terminou (oficialmente) às 02:40h da manhã, completando as 20 horas de festa sem intervalo. Cerca de 10 mil pessoas assistiram ao megashow de Cananina do Forró.